Amor e liberdade

Quando peguei este papel, pensei:
“vou colocar todo meu amor aqui”
e eu te juro, bem que tentei,
mas o amor que tenho não vai daqui até ali

ele vai até a China, volta pro Brasil
ele corre pela grama e samba num fio
ele dá a volta ao mundo e se vê de costas
ele se entrega, pois não é de apostas

ele sobe, desce e sobe de novo eternamente
ele quer ser infinito e se recria constantemente
ele vê, cheira, beija e acaricia
ele ensina, aprende e aprecia

entende por que não insisti em colocar todo meu amor no papel?
eu vou resumir pra não ficar maçante: não se aprisiona o que nasceu pra ser livre no céu