Ateu

ateu

Ontem à noite
me deu vontade
de acreditar em deus,
na existência com sentido,
na vida como passagem de ida,
na morte como caminho de volta,
e na minha tristeza como prova de amor
eu quero acreditar,
mas nem sei por onde começar,
e talvez esse seja o início
do que eu não sei como terminar:
haverá lugar em mim para uma alma
ou estou preenchido demais pela humanidade?