Resenha: Os Dragões Não Conhecem o Paraíso (Caio Fernando Abreu).

dragões_caio

Não se espante se você sentir uma identificação muito forte com os contos que compõem esse livro. É a primeira obra do Caio Fernando Abreu que li e foi uma indicação de duas amigas. Acho que foi a melhor sugestão de leitura que já me fizeram. Sem exageros. Desde o primeiro conto, senti que Caio falava comigo. Quando cheguei no décimo terceiro e último conto, tive a certeza de que as experiências que todos temos são as mesmas, mas vividas de formas diferentes.

Acho que a principal característica desse livro é o poder de identificação. Ele conversa com quem vive no submundo, com pessoas que vivem o sexo de outra maneira, que experimentam o amor sem medo, que vivem a tristeza ao extremo, que vivem a infelicidade com ardor. Sei que pode parecer depressivo, mas é um exercício necessário aprender a identificar certos elementos e, assim, tomar providências para mudar (ou não).

A linguagem é simples e direta, com muitos palavrões, o que deixa o texto ainda mais próximo. As cenas são descritas de uma forma tão real que eu confundia a leitura com um filme. E quando há poesia no meio do texto, ela é intensa, sensual, triste, pesada, difícil de ser contida apenas parando a leitura.

São 13 contos, porém o que mais me chamou a atenção foi O Pequeno Monstro. Cheguei a discuti-lo com uma amiga, pois o conteúdo é extremamente polêmico: o texto fala sobre descoberta sexual ou de um costume pedófilo que tornamos normal na nossa sociedade machista? Eu ainda não sei, e essa dúvida que Caio criou na minha mente é o que me fez admirá-lo. O desconforto que ele conseguiu gerar em mim por eu ter achado aquela cena bonita, é algo que ainda me faz refletir, pois uma desconstrução precisa ser feita ali, naquele ponto.

Poderia me estender falando sobre cada conto, mas vou me limitar a dizer que o último texto é simplesmente lindo e doloroso. A cada frase eu me surpreendia com a sensibilidade que as palavras me faziam descobrir em mim. Agora entendo porque as frases do Caio se tornaram tão famosas na internet, é quase terapêutico, te faz enfrentar o que você não gosta sobre sua história, sobre quem você é ou quer ser, isso é perigoso, é inteligente, é saboroso, é literatura e é necessário.

Os textos do Caio Fernando Abreu ficarão pra sempre na minha memória, pois me marcaram muito pra eu simplesmente dizer que foi uma leitura boa, foi mais que isso: foi uma descoberta, um presente, uma dor, uma iluminação.

Amazon | Livraria Cultura | Saraiva